Envolva o solenóide com a mão direita de maneira que os quatro dedos indiquem a direcção da corrente. O polegar, posto em ângulo recto com os demais dedos, assinalará o lado em que se encontra o pólo N do solenóide.

Para descobrir a direcção do campo magnético em torno do solenóide quando se conhece a polaridade, toma-se o solenóide ainda com a mão direita de modo que o dedo polegar, colocado em ângulo recto com os demais, aponte o pólo N: os quatro dedos indicam a direcção da corrente que passa pelas espiras.

Se o observador estiver colocado em frente a um dos extremos do solenóide e o enrolamento estiver disposto de tal modo que a corrente circule no sentido horário, esse extremo será o pólo sul. Será pólo norte se a corrente circular em direção contrária. Apliquem-se estas regras aos solenóides.

Please follow and like us: