A pilha Leclanchè é constituída por um vaso de vidro que contém solução saturada de sal amoníaco. Um bastão de zinco Z e uma barra de carvão C estão mergulhados no líquido e isolados entre si por meio de um material isolante L. Duas pequenas barras a e a’constituídas por uma mistura de dióxido de manganês e pó de carvão estão colocados um em cada lado do eletrodo positivo C. A pilha de Leclanchè possui despolarizante sólido, visto que o dióxido de manganês apresenta-se neste estado.

A força eletromotriz da pilha Leclanchè (de qualquer tipo) é de um volt e meio (1,5). Devido a despolarização realizar-se com uma certa morosidade, a d.d.p. cai rapidamente a pequenos valores quando se exige correntes de grandes intensidades durante um tempo relativamente grande. A pilha readquire, porém, a força eletromotriz normal depois de pequeno repouso. Em virtude de sua fácil manutenção, ela é, entretanto, uma das mais práticas, sobretudo para os casos em que a corrente elétrica deva atuar de modo intermitente, como acontece, por exemplo, nas emissões de sinais telegráficos.

Please follow and like us: