O princípio dos transformadores é utilizado nas bobinas de indução construídas para desenvolverem elevadíssimas forças eletromotrizes. capazes de produzir centelhas que vençam a resistência do ar. A bobina de indução é um transformador de circuito magnético aberto: pequena voltagem aplicada ao circuito primário é elevada, por indução, a milhares de volts nos extremos do secundário.
O núcleo dessa bobina é constituído por um feixe de fios de ferro muito macios, geralmente isolados entre si por meio de verniz especial, a fim de se reduzir ao mínimo as nocivas correntes de Foucault.
Em tomo de tal núcleo, conforme indica a figura 146, está enrolada a bobina primária, composta de várias camadas de fio de cobre isolado e relativamente grosso. Envolvendo esse enrolamento encontra-se uma
segunda bobina formada por milhares de espiras de fio de cobre muito fino, cuidadosamente isolado. A bobina interna ou primária é ligada a uma bateria B de pilhas ou acumuladores. Abrindo-se e fechando-se rápida e continuamente o circuito primário, correntes Induzidas aparecem no secundário, de conformidade com as leis de indução.

Please follow and like us: